Desafios do setor de aves

  • Publicado em
  • Categoria

    Aves

  • Oferecimento

De 5 a 7 de abril, a cidade de Chapecó/SC novamente recebeu um dos já consagrados eventos de avicultura nacional: o Simpósio Brasil Sul de Avicultura, promovido pelo Núcleo Oeste de Médicos Veterinários (Nucleovet), no Centro de Eventos Plínio Arlindo de Nês. Reunindo mais de 1,5 mil profissionais do setor, o evento abordou temas como: desafios das doenças aviárias, manejo, bem-estar animal, mercado de trabalho, meio ambiente, entre outros – todos pautados por demandas atuais da cadeia.

Para discutir esses assuntos, palestrantes de renome estiveram presentes. Um exemplo de conferência de destaque foi a apresentação ´Mercado de trabalho e gestão de pessoas na avicultura’, do engenheiro agrônomo e Diretor Mundial para Contas Estratégicas da Cargill Nutrição Animal, Mário Penz Júnior, no dia 6 de abril. Ele destacou o cenário da avicultura no Brasil e seu mercado de trabalho, além de falar sobre o papel das empresas, dos profissionais e das universidades, do desenvolvimento e das necessidades do setor.

“A avicultura brasileira desenvolveu-se e modernizou-se rapidamente, obtendo um grande crescimento. Por isso, cada vez mais haverá procura por pessoas comprometidas, focadas em resultados, capacitadas, resistentes à pressão e com habilidades de relacionamento, pois elas são os alicerces e a engrenagem que conferem às empresas uma vantagem competitiva frente a esse contexto”, afirmou Penz em sua apresentação.

Este artigo está na edição 25 da Revista NT. Leia na íntegra aqui.

Acompanhe
Clique e compartilhe